Pare por um instante. Ouça o que o outro está dizendo. Retribua sorrisos, sem questionar porque um desconhecido sorri para você. Aprecie a vida com todas as suas cores, seus cheiros, seus sons, seus sabores. Aproveite seus momentos de inspiração. Sinta o sol queimar a pele, o vento no rosto, a água tocar a corpo. Se permita arrepiar, até o último fio de cabelo. Deixe o frio na barriga percorrer seu corpo, por todos os caminhos que ele puder encontrar. Permita que as declarações de amor saiam da sua boca, mesmo sem ensaio. Se permita viver sem ensaios. Fale com o coração. Contemple. Respire. Agradeça. Ande com calma e observe o que está ao seu redor. Aproveite o caminho. Aproveite a paisagem, mesmo que seja por uma pequena fresta, mesmo que seja por um raro instante. Presenteie o seu olhar. Ande de mãos dadas. Pare para tomar um sorvete. Pare para tirar aquela foto. Acredite: aquele ângulo, com aquela luz, talvez nunca se repita mais. Muitas vezes as oportunidades são únicas. Elas não nos dão segundas chances. Não espere a volta ou o dia seguinte. Viva agora, viva o agora. Vá onde suas pernas podem te levar, enquanto elas ainda podem. Só respira e vai! Preste atenção no caminho. Se permita ser arrebatado por uma paisagem de perder o fôlego e vá aos lugares que sempre moraram nos seus sonhos. Vá, mesmo que eles pareçam distantes ou difíceis de alcançar. Priorize esses caminhos. Esses que levam aos lugares dos seus sonhos. Esteja presente. Beije. Abrace. Faça carinho. Ouça com atenção. Compartilhe suas experiências. Crie memórias. Crie histórias. Deixe marcas por onde passar. Melhore o dia de alguém. Faça a vida das pessoas melhores porque você viveu. Porque você passou por elas. Dê colo.  Compartilhe conhecimento. Não julgue as perguntas que te fizerem e as responda com toda a verdade que puder. Registre tudo. Guarde seus momentos na memória e no coração. Não fique onde não é feliz e onde não puder amar, não te demores. Vá para onde acredita que está a sua felicidade, mesmo que precise mudar de caminho muitas vezes. Preste atenção ao redor. Aproveite com o corpo, a mente e a alma. Aproveite a vida com todos os seus sentidos. Aproveite o momento. Não apresse o tempo. Não tenha pressa, mas não perca tempo.

 

Não tenha pressa

Sabrina Almeida


Sou mãe, filha, esposa, mulher, amiga, confidente, conselheira. Sonhadora, determinada e realizadora. Organizada, mas com um que de caótica. Apaixonada pela vida e pelas pessoas. Intensa! Publicitaria, trabalho desenvolvendo produtos e marcas para deixar as pessoas mais bonitas e felizes. Escrevo porque amo escrever. Minha cabeça está sempre repleta de sonhos e devaneios. Sigo sempre meu coração. Hoje penso mais antes de tomar uma decisão. Encontrei a FELICIDADE, assim todinha maiuscula, nas coisas simples da vida. E escrever é uma delas. Enquanto as pessoas vão para a academia, fazem trilhas, tocam instrumentos musicais, cozinham… Eu escrevo! Esse é o meu hobbie… Escrevo para traduzir o que está no meu coração, sem regras, métodos ou filtros. Escrevo porque me inspira e me faz feliz. Acredito que é simples ser feliz e que para isso é preciso uma boa dose de coragem, de sorte e de sonhos e devaneios. Quando eu decidi escrever, uma pessoa me perguntou: “quem te garante que as pessoas vão se interessar pelo que você escreve?” E a minha resposta é como vou concluir minha apresentação. Vou escrever para tentar ajudar as pessoas a ver diferentes perspectivas, rir no meio de um dia difícil ou enxergar poesia no dia a dia. E se eu conseguir tocar o coração de pelo menos uma única pessoa, já terá valido à pena.


Post navigation


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *